24 de outubro de 2013

Eu tentei ser moderna, mas não consegui.
Eu tentei desacreditar no amor, mas acredito.
Meu coração não se cansa.
Eu tentei aceitar a poligamia, mas sou monogâmica e ainda tenho esperança na fidelidade. 

Eu tentei ser moderna, juro que tentei, mas só sei ser vintage. 

Nenhum comentário: